Hoje é domingo, 19 de novembro de 2017

Publicidade

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DE SÃO LEOPOLDO (SMED) PROMOVE O 1º JOGOS MOTIC

12 de setembro, 2017 às 23:28 - por Bado Jacoby

 

Foto: Decom Prefeitura de São Leopoldo

Realizado pela Secretaria de Educação de São Leopoldo (Smed), o 1º Jogos Motic ocorreu integrado à Mostra de Tecnologia e Inovação com Ciências – Motic São Leo, sendo aberto às escolas expositoras da Rede Municipal de Ensino. As disputas ocorreram nas manhãs de segunda e terça-feira, 11 e 12 de setembro, no Complexo Desportivo e Lazer da Unisinos.

O professor Éderson dos Santos, da Supervisão em Educação Física da Assessoria Pedagógica da Smed, explica que as escolas, em sua grande maioria, têm o entendimento da assimilação de conteúdos como forma de conhecimento e aprendizagem. “E não se dá conta da diversidade de inteligências que tem dentro do espaço escolar. Uma dessas inteligências é a corpórea (motora). Muitos alunos que estão aqui hoje, talvez ainda não tenham despertado o interesse – ou tenham o perfil – em fazer pesquisa. Eles tem outras inteligências e habilidades que muitas vezes a escola não prioriza”, considera o professor. Os Jogos Motic fazem parte de um projeto piloto, com futsal feminino e masculino, nas categorias mirim (de 9 a 11 anos) e infantil (de 12 a 14 anos).

A aluna Renata Bier, da EMEF Irmão Weibert, demonstra entusiasmo por participar dos jogos. “Foi uma experiência nova para escola, para os meninos e para as meninas. A gente reuniu as que melhor jogavam na escola e começou a trabalhar bastante, nos esforçamos durante três semanas”, conta a aluna do 7º ano satisfeita com o desempenho da equipe.

Jussara Dias Bueno, diretora da escola campeã no mirim feminino, EMEF Chico Xavier, conta que os jogos mobilizaram a comunidade para conseguir o fardamento. “É a primeira vez que a escola participa da competição. Os alunos estão bem mobilizados. Até estávamos torcendo por outras escolas da nossa comunidade, a EMEF Padre Orestes e a EMEF João Goulart, que estavam competindo, é uma questão de se conhecer, se ver todo o dia e isso não tem preço para eles”, conta a diretora. “Sem contar que trazer os alunos para um ambiente acadêmico, os ajuda a projetar um futuro, a se projetar para um dia estarem na universidade”, completa.

Colaboração: DECOM da Prefeitura de São Leopoldo

Publicidade

2016 - Todos os direitos Reservados