Hoje é sábado, 21 de abril de 2018

Publicidade

SÃO LEOPOLDO: PAULO RITTER, É O PIVÔ DA CRISE NA SMED LEOPOLDENSE

23 de março, 2018 às 22:30 - por Bado Jacoby

O atual Diretor Administrativo da SMED(Secretaria de Educação) é considerado o pivô principal da crise que se abateu na pasta que cuida das políticas de educação da cidade de São Leopoldo. Mesmo sendo um Leopoldense de berço, Paulo Ritter tem sua vida política na cidade de Canoas onde foi Vereador pelo partido dos trabalhadores até 2016.

O reclame pelo perfil “truculento” do atual diretor foi e está sendo o assunto do momento por parte principalmente de Professoras que fizeram reclamações junto a administração municipal. A intervenção do ex Secretário dos Direitos Humanos Hélio Teixeira, não foi digerido pela administração municipal e teve como consequência, a exoneração do mesmo. A demissão de uma funcionária do RH sem a anuência do  secretário da pasta Oneide Bobsin , foi o início da grave crise interna.

O Prefeito Ary Vanazzi vai precisar de muita habilidade para administrar esta crise que é real no setor da administração municipal onde o mesmo(Vanazzi) sempre teve seu maior apoio junto ao funcionalismo municipal. O descontentamento é muito grande de boa parte do magistério municipal, e a perda deste histórico apoio, corre sérios riscos de ser abalado.

Conforme nota da Prefeitura Municipal na segunda a normalidade dentro da secretaria deve acontecer e tudo deverá ser resolvido. Ainda segundo a Prefeitura, a causa maior da crise, são diferenças na condução politica da secretaria que deve como consequência maior, os pedidos de exoneração da Secretária Adjunta da SMED Mariléia Sell e também da Diretora Pedagógica Quenia Strasburg.

Publicidade

quero-quero-banner-1024x97

2016 - Todos os direitos Reservados