Hoje é quarta-feira, 26 de julho de 2017

Publicidade

Prefeitura de São Leopoldo vai tentar facilitar pagamentos de impostos atrasados para amenizar situação financeira “crítica”

16 de julho, 2017 às 21:09

Prefeitura abre oportunidade para quitar débitos

Renegociação débitos

Foto: Charles Dias

A população de São Leopoldo tem uma chance única para liquidar pendências com a Prefeitura. Foi lançado na tarde de hoje (14) o programa Pague Fácil. A partir de agosto, quem tiver dívidas de IPTU, ISS e Taxa Ambiental de Coleta de Lixo (TACL) adquiridas até 2017 poderá quitá-las com 100% de isenção na multa. Até o final do mês de agosto, o contribuinte garante também 100% de redução nos juros. Em setembro, a isenção de juros cai para 75% e em outubro para 50%. As multas seguem sempre com 100% de desconto. Quem optar por parcelar até dezembro, terá 100% de isenção na multa e 50% nos juros. O benefício inclui o munícipe que tem dívidas já ajuizadas. “Trata-se de uma janela que abrimos para o contribuinte acertar suas pendências com a Prefeitura. Depois desse período, volta ao normal”, explicou o secretário da Fazenda Ronaldo Vieira.

O projeto de lei será enviado para apreciação da Câmara de Vereadores. Junto com ele, a possibilidade de inscrever os devedores no Serviço de Proteção ao Crédito. “Queremos aumentar a justiça tributária. Abrimos uma excelente oportunidade para que tudo seja regularizado. Depois disso, sim, vamos aperfeiçoar a cobrança”, ressaltou Vieira.

“Situação dramática”

Na apresentação do projeto, no Gabinete da Prefeitura, o prefeito Ary Vanazzi falou na queda de arrecadação que ocorre nos meses de junho, julho e agosto. O prefeito admitiu que não se trata de um projeto estruturante, mas de uma medida emergencial para manter a prestação de serviços. “Vivemos um ano difícil e não vemos um cenário positivo para o próximo ano. A situação é dramática. Estamos na iminência de paralisar serviços”, alertou.
No entanto, Vanazzi afirmou que a administração está disposta a enfrentar a situação hoje para viabilizar uma administração tranquila. “O próximo passo é constituir uma mesa permanente no Fórum para cobrar também as grandes dívidas. A partir desses recursos poderemos elaborar projetos estruturantes, que voltem a fazer nossa economia crescer”, destacou.

Prazos

Agosto: 100% de isenção na multa – 100% de isenção dos juros

Setembro: 100% de isenção na multa – 75%% de isenção dos juros

Outubro: 100% de isenção na multa – 50% de isenção dos juros

Até dezembro: 100% de isenção na multa – 50% de isenção dos juros para pagamento em parcelas mensais até 22 de dezembro.

Jornalista: Romeu Finato – MTB 12042 | Decom/PMSL]

Autor

Bado Jacoby

bado@visaodovale.com.br

Publicidade

2016 - Todos os direitos Reservados