Quando a palha de milho vira objeto de decoração

Paciência e criatividade são as palavras de ordem em um trabalho como este

O grupo de mulheres dá show fazendo os trabalhos de arte com palha

Linha Nova -

Em um passado nem tão distante assim a utilidade da palha de milho era bastante restrita, servindo basicamente para auxiliar a fazer fogo no fogão e, principalmente, encher os colchões. Além disso servia, como ainda serve, para fazer cigarros de palha. Mas, os anos passam e a criatividade humana não tem fim, surgindo, até mesmo, utilidade para a palha de milho.
O trabalho realizado em Linha Nova não é uma completa novidade, mas os objetos de decoração feitos a partir da palha são tão belos que merecem ser observados com mais atenção. Convenhamos que uma espiga de milho não é uma das imagens mais lindas da natureza, mas depois de ter agregado a ela o trabalho e a criatividade da Associação de Artesanato Arte Serra e Vale, a fotografia vista é bem outra.

Sob a orientação da extensionista de bem-estar social da Ascar/Emater, Marilda Pelissari Baloch, um grupo de 12 pessoas vem mudando os rumos da palha de milho. Aquela palha que seria usada apenas para atear fogo agora é trabalhada e acaba virando algo belo, como arranjos florais. Destaque também para as bonecas de palha feitas por elas no curso.

Logo que se entra na prefeitura de Linha Nova se visualisa, sobre um balcão, algumas garrafas Pet, cortadas, estando dentro delas as obras de arte a partir da palha, e que conforme a extensionista foram feitas há mais de uma década. “Elas ficam nas garrafas como se tivessem sido feitas no dia anterior, sendo assim facilitado o transporte e evitando a exposição ao tempo”, disse Marilda, alegando assim uma destinação ecologicamente inteligente para as garrafas de refrigerante que assim não estão poluindo ao meio ambiente.

Assim que o curso de artesanato com palha de milho for concluído haverá uma grande exposição e confraternização com as mulheres artesãs, para que assim possam mostrar para toda a comunidade de Linha Nova o que pode ser feito com a palha.
Se Monteiro Lobato, há várias décadas imaginou um boneco feito com sabugo e palha de milho (Visconde de Sabugosa) porque então não concretizar tal sonho em arte? Em Linha Nova isso não só está sendo feito, como está sendo feito de maneira maravilhosa.

Edição nro. 275

Notícias por Seção