Publicidade

Notícias da Região: ESTEIO (Pacote de ações na rede de drenagem atenderá 11 bairros de Esteio)

11 de setembro, 2018 às 09:27 - por Redação Visão do Vale

  • Pacote de ações na rede de drenagem atenderá 11 bairros de Esteio

A Secretaria Municipal de Obras e Serviços Urbanos (SMOSU) deu início a um pacote de ações na rede de drenagem pluvial de Esteio. Nesta segunda-feira (10), equipes trabalhavam no entorno da esquina das ruas Fernando Ferrari e Salgado Filho, primeiro local com intervenções. Ao todo, estão previstas 25 obras em 11 bairros da cidade, em parceria com a Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan). O projeto deve levar aproximadamente dois anos até que todos os pontos sejam atendidos. O investimento ao longo do período é de R$ 10 milhões, sendo R$ 3 milhões de recursos da Prefeitura e R$ 7 milhões da Corsan.

Na Fernando Ferrari, haverá a substituição dos tubos de 60cm por novos de 80cm. Já na Salgado Filho, serão colocados tubos com um metro de diâmetro, em apoio aos canos de 60cm que existem nos dois lados da via até a Rua Pelotas. Ao todo, aproximadamente 390 metros de tubulação novas serão colocadas nas duas vias. A obra garantirá um aumento significativo no escoamento da água, distribuindo para redes diferentes, além de diminuir os riscos de inundações por fortes chuvas. Quem passar pela região deve estar atento com possíveis alterações no trânsito. A Rua Fernando Ferrari está com metade da via bloqueada.

“O local foi escolhido para primeiro receber as obras pois sofre em dias de grandes volumes de chuva. A rede atual comporta apenas 28% do necessário. A parceria com a Corsan será de grande valia, pois nos ajudará com os problemas de enchentes”, afirmou o titular da SMOSU, Leomar Teichmann.

A parceria com a Corsan é resultado da compensação por intervenções feitas na cidade anteriormente e de repasses do Fundo de Gestão Compartilhada entre a Prefeitura e a estatal gaúcha. Ele foi criado após a adesão do Município ao projeto da Parceria Público-Privada (PPP) da Corsan, que tem como objetivo ampliar para quase 87,3% a população atendida pelo sistema de saneamento básico em nove municípios da Região Metropolitana de Porto Alegre em 11 anos, beneficiando mais de 1,5 milhão de pessoas. Pelo acordo, o fundo receberá 4% do faturamento líquido da operação de esgoto na cidade pela PPP, valores que serão revertidos para melhorias no Município.

 

  • Prefeitura de Esteio institui Escola de Gestão para capacitar servidores

Capacitar servidores através de atividades de formação e capacitação institucional, a fim de desenvolver competências técnicas e comportamentais. Com este objetivo, o prefeito Leonardo Pascoal, o secretário de Administração, Alexandre Viegas, e a servidora Diossara Ceroni Ferreira, oficializaram a criação da Escola de Gestão Pública (EGP) de Esteio, em ato realizado no Salão Nobre da Prefeitura, na manhã desta segunda-feira (10).

Pascoal destacou que a instalação da Escola de Gestão é um projeto que era idealizado há tempos pelo governo e, a partir de agora, se torna realidade. “A Escola se tornará um instrumento de gestão bastante valioso. Para chegarmos a esse momento, muitas etapas importantes foram desempenhadas, entre elas, o censo dos servidores públicos, para obtermos as informações de cada funcionário. Hoje conhecemos as experiências e a formação de todos, assim como anseios e aspirações. Convertemos isso em um Banco de Talentos e hoje temos um sistema organizado que nos permite consultas rápidas que nos dão acesso ao perfil que desejamos para determinada tarefa. Isso nos permite a constituição da Escola de Gestão. Através do Banco de Talentos, buscaremos o potencial educador para ministrar o curso ou palestra que tivermos necessidade”, argumentou.

O prefeito destacou que o novo instrumento, instalado através da Lei Municipal 6957/2018, vai valorizar ainda mais o servidor, pois buscará no ambiente interno o conhecimento para ser partilhado com os demais, na busca pela qualificação dos serviços. “Vamos valorizar as pratas da casa. Sempre que possível, serão aproveitados os nossos educadores internos. Quando não dispusermos no quadro da nossa administração, aí sim, verificaremos a contratação externa, mas o nosso quadro de pessoal será sempre a prioridade”, destacou. Pascoal disse ainda que, a partir de 2019, cada secretaria terá estabelecida, em acordo de resultados, metas de horas de formação para os servidores. “Não podemos admitir que tenhamos servidores com vários anos de Prefeitura que não tenham passado por nenhum curso de atualização, aperfeiçoamento ou qualificação, independente da área que atuem”.

 Para o secretário de Administração, de todas as metas estabelecidas por esta gestão, essa recebeu uma atenção diferenciada tanto dele quanto da equipe. “A Escola de Gestão Pública envolve pessoas e, estamos falando de gestão do conhecimento. Através desse conhecimento vamos qualificar e transformar as nossas ações administrativas e organizacionais do dia a dia. Esse é mais um grande projeto que a administração está implantando na Prefeitura. São raras as prefeituras e órgãos públicos que contam com uma estrutura desse porte e que veem o conhecimento como agente transformador”, avaliou Alexandre. “Sou grato por cada um dos membros da equipe que se empenhou de forma árdua, em especial à Diossara por ser referência nessa meta. Reforço que a Escola de Gestão é dos servidores. Não é dos secretários, nem do prefeito, mas para cada um dos servidores que ocupa esse ambiente da administração pública. O mais gratificante é que utilizaremos o conhecimento que temos dentro do ambiente público, não buscaremos profissionais de fora, mas utilizaremos as potencialidades que já temos na nossa administração”.

 

Sobre a Escola de Gestão Pública de Esteio

Vinculada à Secretaria Municipal de Administração (SMAD), a Escola de Gestão Pública (EGP) foi instituída pela Lei Municipal 6957/2018 e tem como objetivo capacitar os servidores através de atividades de formação e de qualificação profissional que visam desenvolver competências técnicas e comportamentais. As formações, que poderão ser presenciais ou a distância (EAD) e fornecerão certificado, terão como público-alvo os servidores públicos ativos da Administração Direta, cargos em comissão, estagiários e contratos emergenciais da Prefeitura. A EGP poderá trabalhar com educadores externos, por meio de parcerias e convênios com instituições de ensino, ONGs e órgãos públicos, e internos, com servidores municipais devidamente capacitados no curso de Formação de Educadores, que será fornecido pela EGP.

O funcionário da gestão municipal que lecionar nas capacitações da Escola receberá valores que vão de R$ 30/hora-aula, quando o Educador Interno tiver Nível Médio, a R$ 50/hora-aula, quando tiver Doutorado ou Pós-Doutorado. A seleção de educadores será realizada pela Coordenação da Escola de Gestão Pública, com base na análise do currículo profissional do candidato e da proposta de trabalho.

A intenção da equipe da Escola de Gestão Pública de Esteio é realizar sua primeira capacitação ainda em 2018, o curso “Atendimento com Excelência na Gestão Pública”. As datas ainda serão estabelecidas. A definição das formações que serão promovidas em 2019 será realizada a partir do levantamento feito pelas secretarias das necessidades de cursos para seus servidores. A meta é capacitar, no ano que vem, 222 funcionários públicos.

A criação da EGP está entre os projetos prioritários estipulados para a SMAD nas Metas de Gestão 2018. Como referência para criação da escola, uma equipe da pasta visitou estruturas semelhantes nas prefeituras de Canoas, Bento Gonçalves e Porto Alegre, além das universidades corporativas do Departamento Municipal de Água e Esgoto (Dmae), de Porto Alegre, da Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan), do Tribunal de Contas do Estado (TCE) e do Banrisul.

 

  • Apresentação do cartão SUS será obrigatória nas UBSs a partir de sábado

Os usuários das unidades básicas de saúde (UBS) de Esteio deverão, a partir deste sábado (15), apresentar o Cartão Nacional de Saúde (popularmente chamado de Cartão SUS) para a realização de atendimentos eletivos (aqueles não considerados de urgência ou emergência). Quem não tiver o documento, poderá emiti-lo no seu posto de saúde de referência antes de marcar uma consulta ou um procedimento. É necessário levar documento de identidade, CPF e comprovante de residência. No caso de recém-nascidos, pode ser apresentada a Declaração de Nascido Vivo (DNV). O cartão fica pronto em 24 horas.

Conforme o Ministério da Saúde, o Cartão Nacional de Saúde (CNS) é o documento de identificação do usuário do Sistema Único de Saúde (SUS). Este registro contém as informações dos indivíduos, como: dados pessoais (nome, nome da mãe, data de nascimento, etc), contatos (telefones, endereço, e-mails) e documentos (CPF, RG, Certidões, etc). Atualmente, o número do CNS é utilizado nos sistemas informatizados de saúde que demandam identificação dos indivíduos, sejam usuários, operadores ou profissionais de saúde. Entre os benefícios do Cartão SUS estão a rapidez na identificação do usuário, a localização do prontuário pelo número do cartão, o registro dos atendimentos realizados, de agendamentos e da execução de consultas e exames, criando um histórico de cada cidadão, a dispensa de medicamentos, entre outros.

 

  • Nona edição do Prefeitura na Rua será no Bairro Liberdade nesta quarta-feira

Moradores do Bairro Liberdade que tiverem demandas, sugestões ou elogios para serem apresentados à Administração Municipal poderão, nesta quarta-feira (12), conversar com o prefeito Leonardo Pascoal, com o vice-prefeito Jaime da Rosa ou com gestores das secretarias municipais, na nona edição de 2018 do projeto Prefeitura na Rua.

Das 17h às 20h, os gestores municipais ouvirão as demandas em uma estrutura que será montada na Rua Dona Isabel, em frente ao número 749. Todos os pedidos serão anotados e encaminhados para os setores responsáveis pela solução, quando de responsabilidade da Prefeitura. O atendimento é por ordem de chegada.

Em 2018, já foram realizadas oito edições do projeto. Na última edição, no Parque Primavera, foram registrados 34 atendimentos. Desde o início do projeto, em 2017, 863 pessoas participaram da atividade.

Outros canais de contato

O Prefeitura na Rua é apenas um dos canais de acesso direto da população com o Executivo Municipal. Outra alternativa importante para levar demandas à Administração Pública é o Gabinete Aberto. Todas as segundas-feiras (exceto feriados), a partir das 14h, Leonardo Pascoal e Jaime da Rosa recebem os esteienses para uma conversa na qual a população pode entregar demandas, sugestões e pedidos. Para ser atendido, basta ir até a Prefeitura de Esteio (Rua Eng. Hener de Souza Nunes, 150 – 2º andar). O atendimento é por ordem de chegada. Neste projeto, inciado em 9 de janeiro de 2017, já foram 3.442 pessoas ou grupos atendidos em 81 edições.

Outros canais importantes para encaminhamento de pedidos para a Prefeitura são o telefone da Ouvidoria (0800-541-0400) e o aplicativo Fiscale.vc (disponível para download gratuito nos sistemas Android e IOS nas lojas Google Play e App Store), lançado no dia 16 de abril.

Prefeitura na Rua – Bairro Liberdade

Quando: Quarta-feira (12), das 17h às 20h

Local: Rua Dona Isabel, em frente ao número 749

Atendimento por ordem de chegada

Gabinete Aberto

Quando: Toda segunda-feira, às 14h, exceto feriados

Local: Gabinete do prefeito (Rua Eng. Hener de Souza Nunes, 150 – 2° andar)

Atendimento por ordem de chegada

 

  • Setembro terá palestras alusivas à prevenção do suicídio

Em alusão ao Setembro Amarelo, considerado o mês de prevenção ao suicídio, o município de Esteio realizará palestras para conscientizar a comunidade sobre esta questão de saúde mental e ajudar quem precisa. O primeiro evento, nesta quarta-feira (12), às 16h, no Salão Nobre da Prefeitura (Rua Eng. Hener de Souza Nunes, 150) é parte da programação do Programa Qualidade de Vida no Trabalho (Promover), da Secretaria Municipal de Administração (SMAD). A atividade, destinada a servidores da Prefeitura, será realizada em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), com a coordenadora de Saúde Mental da SMS, Cristiane Mertins, que abordará aspectos do suicídio como definições, fatores de risco, prevenção e como auxiliar pessoas que estão pensando em cometer suicídio.

O mesmo tema será assunto da terceira edição de 2018 do Sábado com Saúde Mental, neste sábado (15), a partir das 8h30min, também no Salão Nobre. A fala será conduzida pela equipe de saúde do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS II – Aquarela). Para participar, o interessado deve enviar um e-mail até sexta-feira (14), às 12h, para o endereço capsii@esteio.rs.gov.br , informando seu nome completo.

De acordo com a coordenadora de Saúde Mental, Cristiane Mertins, o Brasil é o país com maior prevalência de depressão da América Latina e o segundo nas Américas. “O Rio Grande do Sul tem o dobro da média nacional de suicídios”, informou. A proposta do Sábado com Saúde Mental é oferecer atividades de educação em saúde organizadas pelos Caps de Esteio (Infantil, Álcool e Outras Drogas e II) e ocorre duas vezes por semestre, oferecendo possibilidade de discussão de temas relevantes.

No dia 19 de setembro, a sala de teatro do Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU) será sede da palestra “Depressão e Suicídio”, ministrada pela doutoranda em Epidemiologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs) Nagila Soares Xavier Oenning. O evento, com início às 14h, é destinado às pessoas atendidas pelos Caps II e, também, a comunidade em geral. Assim como no Sábado com Saúde Mental, Nagila abordará como identificar os sinais de uma pessoa deprimida e como conduzi-la.

Setembro Amarelo

Palestra do Promover – “Identificação e manejo do risco de suicídio: precisamos falar a respeito”

Quando: quarta-feira (12), 16h

Local: Salão Nobre da Prefeitura (Rua Eng. Hener de Souza Nunes, 150)

Palestrante: Cristiane Mertins

Público-alvo: servidores da Prefeitura Municipal

Sábado com Saúde Mental – “Suicídio: um problema de saúde pública”

Quando: sábado (15), 8h30min

Local: Salão Nobre da Prefeitura (Rua Eng. Hener de Souza Nunes, 150)

Palestrante: Equipe de saúde do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS II – Aquarela)

Quanto: Gratuito

Inscrições: Até esta sexta-feira (14), às 12h, através do e-mail capsii@esteio.rs.gov.br

Palestra sobre Depressão e Suicídio no CEU

Quando: 19 de setembro, 14h

Local: Sala de teatro do Centro de Artes e Esportes Unificados (Rua Rio Grande, 2.263 – São Sebastião)

Palestrante: Nagila Soares Xavier Oenning

Quanto: Gratuito

Publicidade

quero-quero-banner-1024x97

2016 - Todos os direitos Reservados