Hoje é segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

Publicidade

Luiz Coronel será o patrono da 20ª Feira do Livro de Esteio

16 de junho, 2017 às 12:16 - por Assessoria/Prefeitura Esteio

Crédito: Djalma Correa Pacheco

Esteio – O escritor, compositor, poeta, professor e publicitário – entre outros talentos e formações – Luiz Coronel será o patrono da 20ª Feira do Livro de Esteio, que será realizada entre os dias 28 de julho e 6 de agosto. O convite foi feito na quarta-feira (14) pelo prefeito Leonardo Pascoal em reunião no Gabinete. “Fico muito honrado com o convite. Cada patronato de feira do livro é como se fosse o primeiro. Tenham em mim um colaborador disposto a servir de toda maneira”, agradeceu Luiz Coronel, bageense que já foi patrono de eventos semelhantes em Porto Alegre, Piratini, Venâncio Aires e Gramado, entre outras cidades.

Para nós, é um orgulho ter um dos maiores nomes da cultura gaúcha aqui em nossa cidade como patrono da Feira do Livro, um evento que chega a sua 20ª edição e é um dos mais importantes de Esteio”, comentou Leonardo Pascoal.

O autor informou que vai doar para as escolas da rede municipal de educação exemplares de suas obras para serem trabalhadas pelos alunos, preparando os estudantes para encontros com o autor na Feira. “Gosto muito deste contato com as crianças, de responder às suas perguntas e, melhor ainda, quando elas já tiveram acesso às nossas obras”, destacou o autor de livros como A Eleição dos Animais, Saturnino Desce ao Pampa, O Cavalo Verde, Filé de Borboleta, Dicionário Amoroso e Coração Farroupilha, e compositor de Gaudêncio Sete Luas, Pilchas e Cordas de Espinhos, uma das mais belas composições da música gaúcha, gravada até por Fafá de Belém.

Também participaram da reunião com Luiz Coronel, que apresentou um resumo dos trabalhos realizados 60 anos de carreira, o vice-prefeito Jaime da Rosa, o chefe de Gabinete, Daniel Grassmann, o secretário municipal de Cultura, Esporte e Lazer, Rafael Figliero, que coordena a pasta responsável pela programação da 20ª Feira do Livro, além da assessora do escritor Ana Paula Brum.

Bibliografia

“Afinal, que Coronel sou eu e que comando tenho sobre minha alma desguarnecida cidadela, se dos mosquetões só saltam flores e há um pierrô de sentinela?” Assim se apresenta Luiz de Martino Coronel em seu site oficial (www.luizcoronel.com.br). Natural de Bagé, nasceu em 16 de julho de 1938 e chegou em Porto Alegre no início dos anos 1960 para estudar Direito e Filosofia. Foi juiz de Direito, professor e, mais tarde, publicitário, se dedicando, paralelamente às artes. O compositor, escritor e poeta se sobrepôs às demais áreas.

Publicidade

2016 - Todos os direitos Reservados