Hoje é sábado, 16 de dezembro de 2017

Publicidade

Aimoré perde e fica com o Vice Campeonato da Copa Paulo Sant’Ana.

29 de outubro, 2017 às 14:51 - por Jéferson Machado

 

A manhã estava linda, a torcida compareceu, mas o Aimoré não resistiu e perdeu. Numa partida muito apagada, onde o futebol do Índio não apareceu o São José soube aproveitar e fez 3×0 com gostinho de quero mais, principalmente no segundo tempo onde o Zequinha acumulou chances de gol.

 

 

O São José começou perdendo um gol incrivel no início do primeiro tempo, aos 08 minutos Flavio Torres penetrou sozinho entre os zagueiros na hora que iria chutar, Nicolas no chão ficou com a bola, salvando o Índio,  até os 40 minutos da primeira etapa a partida estava bastante equilibrada, mas inexplicavelmente o time índio se retraiu e permitiu o crescimento do Zequinha que em seguida abriu o placar através de Flavio Torres, numa infelicidade do goleiro Nicolas do Aimoré, eram jogados 42 minutos e o São José igualava o placar agregado em 1×1. O segundo gol não demorou, aos 47 minutos o atacante Kelvin recebeu a bola na intermediaria, conduziu até próximo a área índia e chutou forte no ângulo esquerdo de Nicolas fazendo 2×0, e colocando o São José em vantagem. O Aimoré não conseguiu concluir nenhuma vez contra a meta defendida pelo goleiro Fábio no primeiro tempo.

O segundo tempo começou diferente com o São José disposto a ampliar o placar e logo aos 03 minutos numa troca de passes o Zequinha chegou na cara do goleiro Nicolas que defendeu 02 vezes de forma milagrosa, o Zequinha seguiu melhor e aos 26 Flavio Torres, sozinho na área pequena escorou de cabeça um cruzamento vindo do lado esquerdo e a bola encontrou trave, aos 31 em um contra-ataque do Zequinha, eram 04 contra 01 e a bola sobrou novamente para Flavio Torres que chutou fraco e Nicolas defendeu com a perna esquerda. O Aimoré estava batido em campo e o São José acumulava contra ataques e chances de gols perdidos, tanto que aos 33 minutos Márcio Jonatas chutou e Nicolas pegou mais uma, aos 40 minutos novamente Nicolas brilhou ao defender um chute de Silas, que entrou totalmente livre e cara a cara com o goleiro chutou e Nicolas pegou, mas como diz o ditado “agua mole em pedra dura tanto bate até que fura”, aos 43 minutos o São José finalmente conseguiu marcar o terceiro gol, Marcio Jonatas escorou um cruzamento da direita e empurrou a bola para as redes do Aimoré, fechando o placar em 3×0 e assegurando o título para o São José.

Para o Aimoré em termos ofensivos a partida seguiu igual, pois somente no final da partida depois de estar perdendo por 3×0, que obteve uma chance de gol, sendo a única da partida, por isso o São José chegou ao título com muita justiça, sendo muito superior no jogo.

O que restou positivo para o Aimoré foi a presença da sua torcida, mais de 400 pessoas, foi uma “invasão” ao Passo d’Areia, e ao final do jogo aos gritos de Aimoré, Aimoré, eles reconheceram o esforço do time e a conquista do Vice Campeonato e também uma vaga histórica e uma Competição Nacional.

 

 

Durante a semana o São José deverá oficializar a FGF sua escolha quanto à Competição Nacional que irá escolher, mas depois do jogo os atletas e a comissão técnica diziam-se felizes por conquistar o retorno a Série D, com isso restaria ao Aimoré a disputa da Copa do Brasil, que era o desejo em maioria da Direção Índia.

FICHA TÉCNICA:

SÃO JOSÉ: Fábio, Luis Felipe, Everton, Claudinho, Dudu Mandai, Guedes, Claudio (Márcio Jonatas) Clayton (Mateus Totô), Diego Torres, Claudio Maradona (Crystopher), Flavio Torres (Silas) e Kelvin. Técnico Rafael Jaques

AIMORÉ: Nicolas, Murilo (Patric), Luiz Henrique, Douglão, Thiago Alemão, Digaô, Faísca, Elton (Thiago Correa) Anderson feijão (Matheus), Marco Antônio (Leozinho) e Giovane (Brandão). Técnico Arilson Costa

ARBITRAGEM: Jean Pierre Lima com Lucio Flor e Leirson Peng Martins.

Publicidade

2016 - Todos os direitos Reservados